Blog

Bossa Rio: muito amor e boas vendas!

02 de Julho de 2014

Quem nunca se apaixonou pelo Rio de Janeiro? Com suas imperfeições e contradições, a cidade ainda é uma das mais encantadoras do mundo, com suas praias, morros, lagoas e gente bronzeada compondo o cenário…

Uma das histórias mais bacanas que já ouvimos de declaração de amor à cidade veio de uma carioca chamada Flávia Toledo, que conhecemos no Parque da Bola, um espaço de convivência e lazer durante a Copa, aberto até o dia 13 de julho, no Jockey Club do Rio. Após 10 anos viajando o mundo a trabalho por uma agência de turismo receptivo internacional, ela chegou à conclusão de que as belezas do Rio não estavam devidamente retratadas nos presentes à disposição dos visitantes. Pensando na Copa, e inspirada no nível de qualidade dos produtos ofertados em outros países, ela deixou o emprego e resolveu abrir o próprio negócio.

Há oito meses, junto com a amiga e sócia Isabel Abranches, Flávia criou a Bossa Rio Presentes, uma pequena empresa destinada a desenvolver e distribuir presentes para turistas em visita ao Rio de Janeiro. Peças desenhadas com primor artístico e acabamento refinado, as lembranças da Bossa Rio prometem ir além dos souvenirs convencionais. Flávia e Isabel inovaram ainda na estratégia para conquistar os clientes - em vez de buscar um ponto fixo para abrir uma loja, elas desenvolveram um carrinho especial para vender seus produtos em pontos turísticos da cidade.

Mobilidade também pesou na escolha por uma solução para aceitar pagamentos com cartão (sim, a iZettle também faz parte dessa história!). Primeira parada do carrinho da Bossa Rio, o evento no Parque da Bola também está sendo a experiência inicial das empresárias no universo dos pagamentos móveis.

“Agora que estamos tendo nossa primeira experiência de contato direto com os clientes, percebemos a necessidade de aceitar pagamento com cartão de crédito, principalmente em um lugar com tantos turistas sem dinheiro em espécie e com cartões internacionais no bolso. Sem a solução da iZettle, teríamos perdido pelo menos 50% das vendas durante a Copa”, conta a Flávia, contente por poder dizer sim aos seus novos clientes!

Aeeee! A gente também comemora. Adoramos finais felizes!

Sucesso para você também!

Junte-se a milhares de empresas
brasileiras!

Cadastre-se em 5 minutos